sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

A ESPERA DAS CHUVAS...


Esse é o cenário do nosso município nos tempos chuvosos. Água em abundancia, tudo verde...uma paisagem de explosão de vida e muita alegria. Mas até agora, as chuvas são só um desejo. Aqui em casa, ocasionalmente e informalmente agrupam-se vizinhos, para discutir as perspectivas de inverno, comparar e   recordar o sombrio passado dos anos de seca e projetar esperanças para as semanas que virão. Alusões são feitas à "experiências", que são uma serie de observações da natureza, na previsão dos invernos ou secas e opiniões flutuam nesse clima de insegurança e incerteza. Nosso Pai é muito cauteloso e muitas vezes pessimista. 


Lembro-me da história de um vizinho. Contava que morava no sítio num ano de uma seca muito severa.  Narrava que estava com os irmãos em frente à sua casa, numa tarde, famintos, sem ter nada para comer em casa. Os moradores mais próximos, faziam beiju de mandioca e quando passaram por lá, presentearam à cada, um beiju, ainda quente. Tão grande era a fome, que, mesmo quente, deu logo uma mordida no seu, mas, que surpresa... ficou com um cabelo enganchado nos dentes. Quando puxou, viu que nele tinha uma lêndea,...(ovo de piolho)... 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...